Brasil_mapa


Nome científico: Sturnella superciliaris (Bonaparte, 1850)
Ordem: Passeriformes
Família: Icteridae

Descrição: Mede 18cm de comprimento. É inconfundível. Apresenta uma faixa branca atrás do olho, peito vermelho vivo, assim como a axila, melhor vista em vôo. O restante do corpo é preto com detalhes pardos no contorno das penas. A fêmea é pardacenta com região avermelhada no peito e com uma faixa pós-ocular mais clara.

arv-ico
Ambiente:
Habita campos úmidos de vegetação baixa. Também ocorre longe da água, em pastos e áreas desmatadas.

compus-icoNo campus: Pode ser visto nos gramados entre a biblioteca e a matinha do Centro Olímpico, onde o escoamento de água pluvial a céu aberto, as pequenas minas de água ali presentes e o capim alto, contribuem para o aparecimento desta ave. Também se alimenta das sementes de capim nos gramados entre os prédios da reitoria, biblioteca e minhocão , principalmente em dias menos movimentados. Pousa frequentemente no pequeno balão da entrada da biblioteca, onde certamente não será incomodado enquanto se alimenta escondido pelo capim e pelas flores ornamentais. Costuma desaparecer desta área quando são passados os cortadores de grama, procurando outros locais de capim alto, mas, retornado com o capim crescido.

ovo-ico
Reprodução:
Constrói ninho no solo, em formato de cestinha aberta, bem escondido pelo capim.

Hábitos: Alimenta-se principalmente de sementes de gramíneas (granívoro), mas come também insetos e broto de plantas rasteiras. De hábitos mais rasteiros, depois de levantar vôo, pousa e some rapidamente pelo capim.